3 pontos a melhorar hoje se estás com dificuldades em conseguir clientes

Categorias: Conteúdo, Marketing
Etiquetas: ,

Deixa-me adivinhar. Lançaste um projeto cheia de motivação e vontade de fazer acontecer, mas há medida que o tempo passa estás cada vez mais desanimada porque não consegues fechar clientes. Os poucos que entram em contacto contigo não avançam ou acabam por dizer que não estão interessados. Confere?

Se estás a passar por isto, tenho uma boa notícia! Há certamente algo (ou na tua comunicação ou na forma como falas e apresentas os teus produtos e serviços) que pode ser melhorado. E esta mudança ou estas mudanças têm a capacidade de transformar completamente a tua situação, de forma a finalmente conseguires fechar clientes e tornar o teu negócio rentável.

É precisamente por isso que neste artigo vou partilhar contigo 3 pontos aos quais deves prestar atenção e melhorar caso estejas com dificuldades em conseguir clientes. Vamos a isso?

Mas antes, diz-me apenas se isto é verdade ou mentira. Quando um cliente te diz “não”, tu pões em causa TUDO.

  • “Se calhar o preço não está bem”
  • “Se calhar o serviço que estou a oferecer não é necessário”
  • “Se calhar eu devia era deixar de vender e desistir de tudo”
  • “Se calhar eu não fui feita para isto”

Se esse é o caso, ouve-me com atenção porque isto vai-te poupar de muita dor e sofrimento desnecessário. Quando um cliente diz “não” a um serviço, está a dizer “não” ao que estás a oferecer. Não está a dizer “não” a ti, enquanto pessoa.

Rejeição é dos sentimentos mais difíceis de processar enquanto ser humano. Mas rejeição é algo que vais enfrentar diariamente no teu negócio. Aprende a lidar com isso como uma pro. É importante que percebas esta diferença e que não ponhas em causa o TEU VALOR. Esse é intocável .

Depois, há muitas questões que estão envolvidas numa venda. Algumas delas tu podes controlar. Outras nem por isso.

Vamos ser objetivas e focarmo-nos que podes controlar? Vamos olhar para 3 pontos que estão sob o teu controlo e que podes mudar já hoje.

1) Tu controlas a forma como COMUNICAS a tua oferta

Se não me convenceres do valor do que tens para dar, não vou querer investir. ponto. Deixa de te focar no serviço, no número de horas, na plataforma ou no número de páginas. Vende-me a TRANSFORMAÇÃO.

Uma boa analogia é parar de vender o avião e vender o destino. De que forma é que podes tornar mais claro o benefício de comprar o teu produto ou trabalhar contigo?

2) Tu controlas a tua OFERTA

Tem uma oferta com diferentes níveis de investimento e sê flexível com os teus clientes. “Não podes investir x agora? Se quiseres avançar, eu tenho um plano de pagamento ou podemos focarmo-nos só em x sessões e resolver uma necessidade de cada vez.”

É importante ter vários níveis de investimento e ser flexível para não afastarmos potenciais clientes que estão interessados no que temos para oferecer. Pensa: de que forma é que podes melhorar este ponto já hoje no teu negócio?

3) Tu controlas a tua REPUTAÇÃO e a CONFIANÇA que os outros têm em ti

Queres que as pessoas invistam em ti? Dá-lhes provas que és a melhor no que fazes. Partilha o teu conhecimento. Melhor ainda, deixa outras pessoas falar por ti e dizer quão transformador foi o teu trabalho (ou seja, partilha testemunhos).

Para isso é importante que invistas em partilhar conteúdo de valor, através das redes sociais (particularmente no Instagram, que é uma ferramenta poderosa para isso mesmo). E é precisamente nas redes sociais e na tua presença online que deves também partilhar testemunhos de clientes. Se ainda não tiveste clientes, trabalha com pessoas (para testar o teu produto ou serviço) e em troca pede-lhes feedback da tua oferta. Depois disso será muito mais fácil conseguires chegar a novos clientes.

Conclusão: abraça o “não” e, sobretudo, aprende com ele! E lembra-te: a cada “não” que ouvires, estás agora mais próxima do “sim”.

Se sentes que precisas de apoio na re-definição de algum destes pontos, entra em contacto comigo e vamos analisar juntas como podemos trabalhar a fundo a estratégia do teu projeto. Às vezes um reencaminhamento na nossa comunicação e estratégia para mudar tudo no nosso negócio.

Agora conta-me: este artigo ajudou? Alguma dúvida podes deixar aqui na secção de comentários e terei todo o gosto em ajudar.

Continuar a ler:

comentários